DEPOIMENTOS


Querido Tejon! Tenho vários livros de sua autoria, e ontem, com uma certa “angústia” no peito por causa da minha vida profissional, fui na minha prateleira de livros, e lá estava um dos seus. Ele me chamou... “A grande virada”. E estou lendo-o novamente! Só “passei” aqui, para te agradecer! Não nos conhecemos pessoalmente, mas cada palavra sua escrita, me ajuda e incentiva... até mais do que uma pessoa amiga ou próxima! Acho que só de saber o quanto ajuda pessoas com seus livros, seu propósito de vida está sendo cumprido, não é mesmo?!

Priscilla Cocchini

11/05/2018

Tejon, não tivemos oportunidade de conversar após o evento, quero agradecer de coração. Sua participação foi o ponto alto de um evento de altíssimo nível, ouvi isto de todos. Obrigado.

Luciano Vacari

09/05/2018

Parabenizo pelo seu trabalho e entusiasmo transmitido em todas palestras que vi. A última foi aos jovens empreendedores, em Goiânia GO. Tento a todo momento transmitir está inspiração aos alunos de Agronomia do IFGoiano Campus Morrinhos, ao qual sou professor. Parabéns

Emerson Trogello

07/05/2018

Tejon, acredito que há 2 tipos de pessoas no mundo... aquelas que inspiram e as que conspiram, as segundas são as que sempre estão na defensiva e que a única coisa que lhes importa no mundo é não ser lograda, por isso desconfiam de tudo e todos. Todavia, há as pessoas que inspiram a união, confiança, olhar para frente sempre em passos gigantescos porém o suficiente para não dar o passo maior do que a perna, e é nessas que tu te encaixas! Tu destes a nós, ao mesmo tempo que um banho de realidade, um exemplo de vida! Um exemplo de como devemos reparar mais as coisas que passam ao nosso redor para que no futuro nos realizemos mais pelo que nos absorvemos do que aquilo que negamos! Ouvi pessoas se banharem em lágrimas e sussurrarem -se "qual é desse cara fazendo todo mundo se emocionar assim!?", pode ter certeza que a Mig teve um grande orgulho em lhe receber e eu sinto-me completamente agraciado pelo acaso, por ter tido aquela conversa que me valeu de uma verdadeira aula de marketing que tive contigo na janta.

Ricardo Migliavacca

03/05/2018

Boa noite Tejon, tudo bem? Acabei de finalizar a leitura do livro GUERREIROS NÃO NASCEM PRONTOS e queria agradecer o Senhor por todo este ensinamento compartilhado, a energia transmitida por esse livro é realmente diferente. Muitas vezes temos tudo que é necessário para realizar as ações e acabamos deixando passar por falta de brio... Sou graduando em Engenharia Agronômica na Unesp de Ilha Solteira e faço parte da Empresa Junior além de desenvolver estágio na parte de sistemas integrados, e este livro veio para trazer a mudança em minha vida, a motivação de querer cada vez mais e ir além dos nossos limites que na verdade são ilusões criadas por nós mesmo, afinal quando realmente chegamos no limite nosso corpo desliga automático. Espero ter a oportunidade de conhecê-lo pessoalmente ainda e também de ler as outras obras por você escritas. Obrigado!!

Eduardo Pechoto

19/03/2018

Sr. Tejon, Hoje terminei de ler seu livro "Guerreiros Não Nascem Prontos" , e que obra rica de ensinamentos, superações, amor e fé. O livro me tocou profundamente não só pelos aspectos do seu acidente, embora tenha sido algo extremamente doloroso para você, mas pelo modo de como você encarou o problema, o modo dos seus pais, Dora Rosa e Sr. Antonio, te prepararem para vida adulta, porque eles foram totalmente visionários te instruíram para vencer não só os desafios do presente, à época, como principalmente após atingir a vida adulta, para o futuro. Que coisa maravilhosa poder sentir pelos folhas dos livro esse amor, carinho e zelo. Confesso que a partir do seu livro comecei a ter uma visão mais ampla sobre coisas importantíssimas no dia a dia, como, por exemplo, a arte do limiar de dor, dos 90% é treino, 10% é dedicação, garra, estudo, foco. E que tem muito 10% engolindo os 90%. Outro ponto que ficou marcado, "somos resultados dos seres humanos com quem nos relacionamos", a frase que resume bem minha trajetória de vida, um garoto de família extremamente humilde, que teve que trabalhar desde cedo para ajudar em casa, cuidar os irmãos mais novos, lutar para conseguir um emprego e pagar alguns cursos profissionalizantes, correr atrás de algo melhor, poder com muito esforço e abdicação concluir a graduação e, com êxito, passar no Exame de Ordem da OAB e, mesmo sendo um advogado recém formado, sei que tenho que continuar superando cada vez os desafios que virão pela frente. Após ver seu exemplo de vida, dos seus pais te ensinando a admirar as pessoas boas, a se relacionar com seres humanos que agreguem valor, pude ter ideia de com isso estava sempre presente na minha vida e não percebia, mas seu livro me fez refletir sobre GRATIDÃO. Sou grato por ter vivido com pessoas boas, que abriram minha cabeça para realidade do mundo, sou grato por ler sua obra, sou grato por poder ser um ser humano melhor do que era antes de lê-la. Já ia me esquecendo, não posso deixar de registrar o quão foi magnífico e encantador o episódio da feira no qual você se recusava acompanhar a sua mãe, Dona Rosa, e ela teve a brilhante ideia de se amarrar em você ai não teve jeito de subir no telhado (risos). Posso estar errado, mas ali foi um marco, a meu ver, nessa transição da sua vida para se relacionar com as pessoas, poder ter foco na escolha das batatas certas, bem como o importantíssimo passo que seu pai deu em te impulsionar a enfrente as ondas dizendo: "Vai, filho, pula". Ficou marcado o amor que o livro transmitiu. Meus parabéns pelo Homem que se tornou, por influenciar os leitores e leitoras da sua obra, por agregar no meu modo de viver e ver a vida. Gostaria muito, muito mesmo, de poder ter meu livro autografado pelo senhor, espero realizar esse sonho em algum estágio da vida. Continue sendo luz na vida das pessoas. Um forte abraço do seu mais novo admirador e leitor fiel. Deus te abençoe, GUERREIRO.

Rafael Rabelo

16/03/2018

Dr. José Luiz Tejon, Estou escrevendo somente para agradecer a Deus pela sua vida! Agradecer pois o seu livro "Guerreiros não nascem prontos" provocou uma mudança nas minhas convicções e irá impulsionar a minha carreira! Tenho caminhado em uma estrada cheia de obstáculos e não tinha ´perspectivas sobre como vencê-los ou contorná-los mas, agora, depois de uma profunda reflexão sobre seu livro creio que conseguirei bem mais do que almejo. O senhor tem o dom e o poder de transformar o pensamento e eu aprendi que o primeiro passo é matar meus gigantes imaginários e seguir em frente. A minha vontade era contar toda a minha história e algum dia encontrá-lo para somente agradecer! Desejo que o seu caminho seja repleto de bençãos! Obrigada por existir!

Dênia Monteiro de Moura Franco

15/03/2018

Mais uma prazerosa experiência de uma pessoa incrível, sábia e inquieta, que colabora a cada dia mostrando pelos lugares por onde passa (que são muitos e variados) que o poder de um Ser Humano em superar as dificuldades, traumas e desafios, não é, somente, o quanto uma pessoa sai bem sucedida de uma superação mas sim o quanto ela colabora na multiplicação dos valores e experiências transformadoras com a rua, bairro, comunidade, e, consequente, com a sociedade, independente do que se espera dela....Parabéns Tejon pelo legado cada vez maior que você vem deixando... Observar e ficar atento é sabedoria pura para quem tem a humildade de aprender e a simplicidade em compartilhar. Abraços com uma imensa admiração!!

Fernando Henrique Andrade dos Santos

28/02/2018

Bom dia, Prof Tejon. É uma honra ter o seu contato na minha rede. Tive oportunidade de participar de uma das suas inúmeras palestras, sua contribuição para a publicidade do Agro é sem dúvida alguma de um valor inestimável. Um grande abraço.

Davi de Caxias

28/02/2018

Sr. José Luiz, o senhor é uma referência em palestras e treinamentos e foi muito bem indicado para que eu possa iniciar no mercado agropecuário. Sou imensamente grato.

Tiago Vieira

28/02/2018

Olá Tejon! (desculpa te chamar direto pelo sobrenome, mas me sinto como uma amiga intima só de te acompanhar e ler teu livro) Sou produtora rural, de São Luiz Gonzaga, RS, casada, mãe de de duas meninas, Manuela e Valentina. Venho por este e mail agradecer pelo enorme mudança que ocorreu em mim ao ler "Guerreiros Não Nascem Prontos"! Comprei o livro no Segundo Congresso de Mulheres do Agronegócio (tenho até uma foto contigo), mas acabei lendo apenas agora que tirei uns dias de férias. Mas penso que, por acaso do destino, não haveria momento melhor. Trabalho a 12 anos na propriedade rural da minha família. Hoje somos meu pai, eu e meu marido. Cuido da parte administrativa e burocrática da fazenda (agricultura e pecuária). Foi o espaço que encontrei para permanecer no negócio da família, que é e sempre foi e é minha paixão. Me formei em Medicina Veterinária, mas na época minhas idéias não eram muito aceitas, mais o "preconceito" de uma menina no meio de homens... (normal para todos, né?!). Então, vi que a parte administrativa precisava de atenção, assumi e aqui estou cuidando de custos, contas a pagar, custeios.... Mas, chegando ao ponto do livro... Estava meio desanimada com a vida profissional, cansada de morar na fazenda e passar o dia em um escritório... Sempre gostei de lidar com o gado, cuidar das lavouras, mas sempre fui "podada" da parte prática, minhas ideias em relação a parte prática do negócio, tanto do meu pai quanto do meu marido, nunca são muito levas a sério. Quando falo minha opinião, por mais que façam depois como ideias deles, sempre são recebidas negativamente, pois o meu lugar é na administração, não no campo. E lendo o livro me deu mais inspiração e determinação a continuar e não desistir!! A estudar, se atualizar, mostrar que tenho conhecimento e capacidade para isso, estar sempre em busca de novos conhecimentos e aprendizados! Mas a lição maior e mais importante: o cuidado que devemos ter na educação de nossos filhos! Porque criar é fácil, mas educar, e educar para serem guerreiros não é fácil!! O livro me fez parar, repensar e prestar mais atenção no que estou falando e mostrando para minhas filhas no dia a dia. Pois nessa correria de todo o dia acabamos no "piloto automático" e não prestamos muita atenção nos nossos atos e palavras. Mas, as crianças estão sempre nos observando... Tejon, muito obrigada por despertar em mim a busca por ser uma guerreira, e mais ainda, nos ensinamentos grandiosos que seus pais te deram e que agora foram compartilhados e serão seguidos por mim!! Um livro para ler e reler, e também já decretei como leitura obrigatória para toda minha família!! Mais uma vez muito obrigada pela inspiração, pelo acordar, pela motivação que se ativou em mim ao ler o livro. Abraços!

Joseana Mattioni Kurylo

26/02/2018

Professor José Luiz, Sou fundadora do Instituto Madiba, moro em Sacramento -MG e estou lendo o seu livro “Guerreiros não nascem prontos”. A cada capítulo vejo nossos meninos, os desafios e a força que serão o combustível para a realização de cada um como ser humano. Queria te parabenizar e agradecer pelo excelente livro que muito contribuirá para nosso trabalho. Será uma leitura indicada para eles e tenho certeza que será estímulo para que possam vencer. Que Jesus continue te iluminando.

Marize Cunha Rezende Cerchi

05/02/2018

.......................................................................................................................................

Deixe o seu depoimento:

Digite o captcha da imagem na caixa de texto ao lado: