ARTIGOS DO TEJON


Agora é a hora da agrosuperação para uma carne forte



A ação da Operação Carne Fraca evidenciou a fraqueza das inteligências responsáveis e envolvidas, inclusive das que se omitiram das responsabilidades.

A operação investigou o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura em um esquema de liberação de licenças para frigoríficos sem a devida fiscalização. Ao todo, 33 servidores da pasta foram suspensos e 21 frigoríficos, investigados.

As regras devem passar por quatro fases de agora em diante:

1° – Não tem mais volta, o fato já aconteceu. Essa fase já foi passada.

2° – É preciso passar a gostar da situação em que esse caso se encontra neste momento. Parece esquisito dizer isso: “Gostar de onde estamos?”. Sim, pois agora é hora de tomar conta da realidade, curar e fazer o que tem que ser feito. É preciso querer executar o que tem que ser implementado.

3° – Assimilar as dores da mudança. Nada fica igual depois de uma crise, de uma superação. Não somos mais os mesmos. Ou progredimos ou regredimos. Quando se enfrenta a crise e passa-se a ter vontade e a gostar de fazer o que precisa ser feito, há evolução e fortalecimento.

4° – Nasce um novo mundo, uma nova vida, novas relações, novas equipes e amizades. Ao surgir isso, encerra-se o ciclo das 4 fases.

As consequências de ações legais precisam e devem prever a possibilidade de punição dos inocentes, e isso eu considero ilegal, principalmente se preferirem a ausência da ética. Para pegar bandido não se pode destruir inocentes.

A carne brasileira está presente em cerca de 150 países, por isso, o Brasil, os brasileiros e o agronegócio precisam fortalecer a imagem da carne e superar mais essa fase.  Superação significa criar valor a partir da sua própria vida sob quaisquer circunstâncias. #SUPERABRASIL



< Voltar

Mais artigos:

Dia mundial do café e do Santos FC – o time do Pelé que nasceu do café Super Safra mostra agrosuperação da nação brasileira O lado positivo da crise da carne no Brasil Carne Fraca ou a fraqueza da carne? E o marketing agora? 13 perguntas podem prever quem vai ser o próximo presidente